Escolha uma Página

Branding: a marca do médico em ação

Branding é a imagem que seu nome cria na mente do público.

Por exemplo, quando você ouve “Clínica Mayo” ou “Dr. Ivo Pitanguy”, uma imagem vem à sua mente.

Isso é o branding em ação.

A maioria dos médicos não se acha uma marca, por isso não vê razões para fazer um branding bem feito.

Mas, a longo prazo, os médicos podem causar um impacto mais significativo e aumentar seu alcance trabalhando a sua marca pessoal e não a institucional.

Branding: saiba mais

Por quê? A primeira coisa que os pacientes em potencial fazem quando se deparam com um nome é procurá-lo online.

Ter uma marca pessoal forte online acelera a velocidade de confiança do público e o diferencia dos outros profissionais.

Como começar a gerar uma imagem positiva na mente das pessoas? Essa é uma dúvida comum a muitos médicos.

Listamos algumas ações para ajudar na construção do seu branding. Confira!

Veja o que o Google diz sobre você

Se um paciente for encaminhado a você, se uma instituição de saúde estiver pensando em contratá-lo ou se um jornalista estiver procurando um especialista para entrevistar, a primeira coisa que eles farão é pesquisar seu nome no Google.

Quando os médicos pesquisam seus nomes no Google, é comum encontrarem dois tipos de resultados principais.

O primeiro é o site da clínica. Isso não é ruim, mas o segundo resultado típico são sites de avaliação online.

Isso não é o ideal. A falta de avaliações ou mesmo uma crítica negativa podem prejudicar a reputação de um médico.

Faça o teste no Google agora mesmo. Algo sobre você aparece nos cinco principais resultados de pesquisa?

Isto seria o ideal.

Seu objetivo é ter a mídia que você controla, como um site pessoal ou canais de mídias sociais, nesses cinco links principais. Se você for encontrado nestas posições, parabéns!

Agora, analise os resultados dessa pesquisa. Eles estão de acordo com a reputação que você deseja construir?

Se você não foi encontrado nos cinco primeiros resultados, temos um problema. Isso geralmente se origina de uma de duas coisas a seguir.

Primeiro, você pode ter um nome comum. Por exemplo, “Dr. João Silva”, que tem aproximadamente 114.000.000 resultados de pesquisa.

Ou seja, apostar na projeção deste nome será difícil. Se esse for o caso, considere adicionar um nome do meio para distingui-lo.

Em segundo lugar, algumas pessoas simplesmente não têm uma presença online ainda. Isso significa que você tem que começar, então continue lendo.

A pesquisa é o primeiro passo para construir uma marca pessoal online.

Deixe suas primeiras pegadas online

Você quer causar uma primeira impressão intencional.

Se seus resultados apenas remontam à sua clínica ou à instituição na qual você trabalha, isso não é ruim, mas também não é legitimamente seu.

Para se apropriar de suas primeiras impressões, otimize seu site pessoal ou suas redes sociais.

Lembre-se de que sua meta é que os sites que você possui ou controla sejam os principais resultados da pesquisa.

Crie um site de marca pessoal. Recomendamos usar seu nome e credenciais como URL.

Isso o ajudará a aparecer nos resultados de pesquisa direta e deixará uma impressão específica em quem estiver pesquisando sobre você.

Se você não deseja colocar um site pessoal no ar, otimize seu perfil do LinkedIn.

O LinkedIn é o site mais bem classificado dentro dos algoritmos do Google, por isso aparece nos principais resultados de pesquisa.

Além disso, seu perfil tem conteúdo suficiente para validar sua autoridade e credenciais.

Agora, vá além de sua rede imediata e desenvolva novas conexões.

Crie autoridade por meio da micromídia

A imprensa é a maneira mais rápida de construir credibilidade e autoridade.

Mas a imprensa é mais do que apenas mídia de massa. Na paisagem de hoje, reina a micromídia online.

A micromídia é um conjunto de meios de baixa circulação, voltados para pequenos públicos, como fanzines, flyers, rádios livres e inclusive informações telefônicas.

A micromídia online inclui podcasts, boletins informativos por e-mail e blogs.

Esses canais criam autoridade rapidamente porque têm seguidores leais com alta confiança.

Com a mídia de massa, as pessoas precisam investir muito tempo para obter uma fração do que desejam.

A micromídia online dá ao seu público exatamente o que ele deseja.

Faça do Google seu publicitário!

Configure os alertas do Google para 3 a 5 palavras-chave em sua área de tópico e todas as manhãs o Google enviará os resultados da pesquisa para o seu e-mail.

Revise as histórias dos veículos de micromídia online e considere como você pode adicionar conteúdo às pesquisas, escrevendo uma postagem no seu blog, artigos no LinkedIn e usando palavras-chave importantes para o seu trabalho.

Use as mídias sociais para iniciar conversas significativas

Quando se trata de mídia social, adote uma mentalidade de micromídia. Isso significa compartilhar conteúdo divertido e informativo que agregue valor.

Vá para a mídia social compartilhando conteúdos que mesclem notícias da sua especialidade médica, informações sobre os seus relacionamentos profissionais e algo pessoal sobre você.

Não comece a construir sua marca pessoal, ou seja, a fazer o seu branding apenas com foco em informações pessoais.

Se você preencher seus feeds apenas com informações pessoais será difícil sustentar esse posicionamento e isso acabará afastando o público.

Um resultado importante da criação de uma marca pessoal é que ela é sua. Ela irá aonde você for.

Se você está construindo uma nova prática, se candidatando a um novo emprego, saindo da faculdade de medicina ou estabelecendo seu legado, sua marca pessoal é seu melhor investimento.

Por isso, vale sempre aprender sobre branding. Aprofunde-se no tema!

Márcia Wirth é brasiliense, professora, jornalista, palestrante, consultora de Health Care, idealizadora do Movimento #GoDigitalDoctor, especialista em Gestão de Mídias Digitais e possui também certificação em Gestão e Implantação de Ouvidorias, pelo IBRC (Instituto Ibero-Brasileiro de Relacionamento com o Cliente).

FONTE: SAUDEBUSINESS

(reprodução autorizada com créditos)

Veja também em News…

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir o chat
Precisa de ajuda?
Oi, posso te ajudar?